top of page

13 Dicas para Aliviar o Estresse (que não são convencionais)


A cabeça doendo, o corpo tensionado, o coração mais acelerado e uma angústia que parece não passar. Esses são apenas alguns dos sintomas do estresse.


Mas, ser estressado não é uma característica imutável e você pode viver sem esse peso nas suas costas de que sempre tem algo que você precisa resolver.


Você pode viver o presente, sem deixar de tomar as ações necessárias e responsáveis para o seu futuro e sua vida. Você pode viver uma vida mais leve!


A meditação é uma das melhores maneiras de aliviar o estresse, já que te traz para o momento presente e te ajuda a aceitar as situações sem focar nos arrependimentos passados ou tentar controlar o futuro.


Mas, essa não é a única maneira que pode te ajudar a reduzir o estresse, e por isso, veremos nesse post uma lista com 13 formas para você aliviar o estresse e se tornar uma pessoa mais livre.


Além disso, vamos contar sobre um dos métodos de meditação mais eficiente para você eliminar de uma vez por todas o estresse da sua vida.


Continue lendo para ver todas as dicas que podem mudar sua vida!


PS: Lembrando que é muito importante você procurar um profissional da saúde mental para te auxiliar nesse processo.


O que pode causar excesso de estresse?

O estresse pode estar refletido tanto no nosso corpo como no nosso humor e também no nosso comportamento, e alguns sintomas comuns são:


  1. Enxaqueca;

  2. Tensão muscular;

  3. Ansiedade;

  4. Mudanças alimentares;

  5. Explosões de raiva;

  6. Falta de motivação ou de foco;

  7. Irritabilidade;

  8. Problemas para dormir;

  9. Fatiga;

  10. Sentir-se sobrecarregado;


Esses não são os únicos sintomas, mas todos acima foram listados pela Mayo Clinic, e podem ser controlados com algumas práticas.


No entanto, antes de assumir que esses sintomas são de fato causados pelo estresse, é muito importante consultar um médico para avaliar os possíveis motivos dessas sensações.


Mudanças de hábitos devem ser aliadas ao acompanhamento médico adequado.


Todo mundo pode se beneficiar da consulta com um psicólogo, terapeuta ou um psiquiatra.


Agora, vamos ver 13 coisas que te ajudam a aliviar o estresse?


Como aliviar e reduzir o stress?


Separei as melhores dicas para te ajudar a aliviar o stress, de acordo com alguns estudos e pesquisas.


Mas, é essencial você botá-las em prática, já que conhecimento sem prática não gera transformação!


Uma que eu não deixaria de botar em prática é a última dica dessa lista. Foi a que mais me ajudou com o stress e mudou a minha vida.


1. Reduza os pequenos estresses do dia a dia


De acordo com o médico Rangan Chatterjee, autor do livro The Stress Solution, todos nós temos um limiar de stress pessoal, que depende de alguns fatores como por exemplo, nosso sono e nossos hormônios.


Quando passamos desse limiar é que começamos a ficar bem estressados e reagir ou explodir nas situações.


Ainda, de acordo com o especialista, alguns estresses que passamos nós não podemos controlar.


Mas outros, os chamados micro stresses, nós podemos reduzir na nossa vida.


Por exemplo, sabe aquele despertador que toca pela manhã? Ele é uma dose de micro stress. E cada vez que você aperta o botão soneca, você vai acumulando mais estresse.


Então, se você acorda na quinta vez que seu despertador toca, sai atrasado para o trabalho, fica preso no trânsito e leva uma bronca do seu chefe, no começo do dia, o seu nível de estresse já está lá nas alturas.


Por isso, uma dica é mapear esses micro stresses do dia a dia e tentar reduzi-los, como por exemplo:


  1. Acorde no primeiro despertador que tocar;

  2. Calcule um tempo suficiente para fazer as tarefas com calma antes de sair de casa;

  3. Veja se não há uma forma de você evitar o trânsito. Quem sabe sair em um horário diferente ou ir com um transporte alternativo como bicicleta;

  4. Delimite o momento de responder todos os e-mails e as mensagens;

  5. Delimite também o tempo nas mídias sociais. Cada notícia ou comentário negativo pode aumentar o seu stress.


Se você quer mais informações sobre o assunto, o Dr. Chatterjee deu uma entrevista no podcast The Model Health Show que pode te ajudar a entender tudo isso!


Mas, é claro, é muito importante também a gente saber lidar com situações estressantes e descartar todo esse estresse que temos.


Por isso, vamos às próximas dicas!


2. Pratique exercícios pela manhã


É muito comum as pessoas saírem por aí para dar uma corridinha e aliviar o stress. E isso faz todo o sentido!


Praticar exercícios é uma das melhores formas de aliviar o stress, mas seus melhores resultados são vistos quando ele se torna um hábito.


Uma dica é conectar o exercício físico com um hábito que você já tem bem estabelecido.


Por exemplo, depois de tomar café, irei praticar exercício. Ou depois de responder a emails, vou para a academia.


O melhor horário é aquele que você pode fazer. Mas, se for de manhã, você ainda pode ter o benefício de uma ajudinha para dormir.


Esse estudo sobre exercício pela manhã, publicado pela PubMed, mostra que o exercício matinal agudo pode melhorar a qualidade do sono noturno em indivíduos com dificuldade em iniciar o sono.


Alguns exemplos de exercício matinal agudo são corrida e spinning.


3. Mantenha uma alimentação equilibrada


Manter uma alimentação equilibrada pode ter um grande impacto na saúde mental.


Por exemplo, ômega-3 pode ajudar o corpo a lidar com stress já que foi visto em um estudo sobre ômega-3 e depressão que a baixa ingestão de ômega-3 está ligada ao aumento da ansiedade em populações ocidentais.


Você encontra ômega- 3 em alimentos como salmão, sardinhas, abacate, ostras, azeite de oliva, nozes e chia.


Mas, recomendamos a consulta com um nutricionista ou nutrólogo para te ajudar em um plano alimentar que corresponda às suas necessidades.


4. Considere fazer sauna


Estudos, como esse sobre os efeitos hormonais de banhos de saunas repetidos, mostram que o uso regular da sauna pode reduzir os níveis de cortisol, o hormônio do stress.


Mas, há algumas contraindicações para fazer sauna, ou seja, nem todo mundo pode fazer. Além disso, o tempo que você pode ficar na sauna não pode ser indeterminado. Longas horas podem ser prejudiciais.


Por isso, converse com seu médico para ver se essa é uma boa opção para o seu caso.


5. Reduza o seu tempo de telas


Usar o celular a todo momento, ficar sempre no computador ou vendo televisão pode te deixar mais ansioso e estressado.


Pequenas mudanças como ler um livro antes de dormir ao invés de ficar no celular e acordar e ficar algumas horas sem tela pode mudar completamente o seu dia.


Indico que você se comprometa com essa mudança por uma semana e veja como você se sente.


Eu mesma me sinto menos estressada e mais produtiva.


6. Faça imersão em água fria


O artigo na New York Times sobre mergulho em água fria mostrou que algumas pesquisas sugerem que a imersão em água fria pode melhorar o humor e o bem-estar.


Entretanto, apesar dessa técnica ter se mostrado promissora. mais estudos são necessários para comprovar essa correlação.


Você encararia?


7. Pratique atividades artísticas como pintar ou dançar


Estudos sobre o impacto da arte e criatividade no cérebro mostram que os níveis de dopamina aumentam em pacientes que tiveram novas ideias criativas.


A dopamina geralmente está baixa em pessoas com depressão, ansiedade e estresse excessivo.


Por isso, praticar atividades artísticas como pintar, dançar, escrever, desenhar ou criar no geral pode ajudar.


8. Tome sol 15 minutos por dia


A baixa exposição solar pode fazer os níveis de serotonina cair, os quais estão associados a um maior risco de depressão com padrão sazonal.


A depressão sazonal é uma forma de depressão desencadeada pela mudança de estações que costuma ocorrer em alguns países.


A serotonina está associada a melhorar o humor e ajuda a pessoa a se sentir mais focada.


Além disso, há outros benefícios de saúde que podem decorrer da exposição solar.


Só cuidado para não exagerar e sempre tomar sol com protetor solar no rosto, ok?


9. Faça grounding (colocar os pés no chão)


Estudos sobre os efeitos do grounding (colocar os pés em contato com o solo) mostram que essa técnica pode ajudar em algumas coisas, entre elas: melhorar o sono e reduzir o stress.


Por isso, se puder, opte por andar de vez em quando descalço no quintal e na praia.


Simples e eficiente!


10. Mantenha uma boa noite de sono


Não é segredo para ninguém que uma noite mal dormida pode te deixar mais estressado.


Algumas coisas que podem ajudar você a dormir melhor é manter um horário de sono mais regrado, limitar as sonecas da tarde, fazer exercício físico, evitar comidas pesadas à noite e evitar tomar café depois do meio-dia.


Além disso, evite o uso de telas duas horas antes de dormir. Faça atividades relaxantes como escrever, ler ou alongar o corpo.


Meditar também pode te ajudar a dormir melhor e aliviar o estresse.


11. Crie limites para não ficar sobrecarregada


Criar limites pode te ajudar a reduzir o stress por não se sentir sobrecarregada.


Rever suas prioridades e focar nelas pode te ajudar a ter uma vida mais equilibrada.


O ideal é limitar seus afazeres durante o dia, e se concentrar apenas na atividade que você está fazendo no momento.


12. Passe mais tempo com família e amigos


Passar mais tempo e pedir ajuda à família e amigos pode te ajudar a reduzir o stress e ansiedade e também te ajudar a ter uma vida mais saudável.


Um dos motivos é que pessoas que se apoiam na família falando dos seus problemas, evitam buscar mecanismos negativos de enfrentamento como beber álcool, fumar ou usar drogas (estudo sobre apoio social e saúde).


13. Pratique a meditação


Meditar é uma das formas mais eficientes para não só reduzir o stress mas eliminá-lo.


Woo Myung, criador do método de meditação de descarte, afirma que para não ter mais estresse é necessário descartar todo o nosso mundo mental ilusório.


Para isso é necessário descartar o nosso carma, hábitos e nosso corpo.


Carma é um termo usado na meditação, para se referir aos nossos registros mentais. Ao descartá-los você não perde a sua memória, mas apenas deixa de reviver os sentimentos, sensações e pensamentos do passado, te ajudando a viver mais o presente!


Já hábitos, é o termo usado para se referir à nossa mente herdada dos antepassados.


estudos sobre traumas que mostram que as pessoas podem herdar traumas de gerações passadas, e a meditação ajuda você a descartar essa mente inconsciente e viver de forma mais livre.


De acordo com Myung, o estresse existe dentro do próprio mundo mental do indivíduo, e o gatilho para o estresse é quando a mente não aceita alguma coisa ou situação.


Uma pesquisa disponibilizada pela Meditação Curitiba, que segue as técnicas de meditação de Woo Myung, indicou que 97,3% de 437 entrevistados dizem ter sentido uma redução no estresse após somente três meses de prática.


Além disso, 93% sentiram alívio de preocupação e ansiedade e 94% se sentem mais felizes.


Eu mesma já fiz algumas técnicas de meditações e nenhuma teve resultados tão expressivos na minha vida como essa.


Além disso, uso diversas técnicas para aliviar o estresse, como as que falamos aqui, mas a da meditação é a que mais transformou a minha saúde mental em tão pouco tempo.


Você pode marcar uma sessão introdutória gratuita para compreender mais sobre as técnicas dessa meditação.



Como aliviar o estresse rapidamente?

Os momentos de estresse podem acabar sobrecarregando bastante seu corpo e sua mente.


Há algumas formas de você aliviar o estresse rapidamente como:


  1. Respirar lenta e profundamente;

  2. Fazer uma caminhada;

  3. Tomar um pouco de sol;

  4. Alongar para aliviar a tensão muscular;

  5. Escrever o que você está sentindo;

  6. Conversar com amigos ou família;

  7. Meditar.


Meditar é uma das formas mais eficientes para aliviar o estresse rapidamente e a longo prazo também.


Na Meditação Curitiba você tem em média 5 horários por dia em que você pode fazer aulas de meditação em grupo.


Além disso, os orientadores da meditação, que seguem o método do Woo Myung, dão orientações individuais e estão sempre dispostos a te ajudar no processo todo. Além de ter sessões online, sendo assim, você pode participar independente de onde você mora.


Então, além de me ajudar a longo prazo, todas as vezes que me senti sobrecarregada e muito estressada, tive a oportunidade de conversar individualmente com um orientador e ajudou muito a controlar meu estresse.


Aproveito, então, para convidar os leitores a experimentar esse método, podendo agendar sessão individual e gratuita no nosso site.



119 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page